Quando as Catedrais eram Brancas, notas breves sobre arquitectura e outras banalidades, por Pedro Machado Costa

| Subscrever via RSS

North by Northwest

| |

a.s*: Aula Aberta, na FAUP, quinta, 27 de Maio, pelas 14:30; seguida de conferência na ESAD, dia 28 de Maio, pelas 17:30.

4 comentários:

joão amaro correia disse...

força, johnny guitar.

j

AM disse...

mas isto (ainda) são as catedrais ou é uma ante-visão para a estação de TGV do souto?
relê lá as letras (pequeninas) do teu contrato (assinado a sangue) com os do blogspot, aquelas (pequeninas) onde obrigam a um mínimo de postas semanais e ao compromisso com a promessa de mais que (mais) um blogue tipo... "newsletter"...
isto dito, que nunca tropeçes (para a linha) no powerpoint

jesus disse...

Nada como dar um passeio pela cidade dos "mestres"...

Quando as Catedrais eram Brancas disse...

Só os losangos se dão mal no powerpoint.
Entretanto, o problema é apenas terreno: falta de capacidade temporal em acompanhar a necessária e desejável eternidade das catedrais.
Da cidade dos "mestres" há no entanto muitas e curisosas novidades. Que a seu tempo.

Tags