Quando as Catedrais eram Brancas, notas breves sobre arquitectura e outras banalidades, por Pedro Machado Costa

| Subscrever via RSS

A República vista por uma Monarquia

| |
















São do El Pais as primeiras imagens compreensíveis do Fundação Champalimaud. Não partilhando do entusiasmo crítico de Ana Vaz Milheiro ou de António Machado, a obra de Charles Correia será ainda assim um coisa a confirmar. Brevemente.

7 comentários:

AM disse...

vou tentar comentar com mais tempo

Francisco do Vale disse...

"Charles Correa representa uma geração de arquitectos que transformou a linguagem moderna internacional em expressões locais"... Give me a break...Puf podia ter ficado na Índia... O outro ainda diz que o turismo vai visitar aquilo! Anda tudo maluco.

AM disse...

o texto da AVM tem todo o aspecto de ter sido escrito entre as três a as quatro da madrugada, mas as palavras também não interessam tanto assim (para a arquitectura...)
de uma maneira ou de outra a arquitectura do CC "cruza" expressões internacionais com expressões locais e é por isso que é um dos autores da segunda metade do séc. passado que convém conhecer e estudar
anda tudo (tudo não, só alguns poucos que ainda acompanham isto...) anda tudo maluco porquê, F.?

Francisco do Vale disse...

Anda tudo maluco... Porque - salvaguardadas as nobres funções do edifício, que muito prezo - falam falam falam falam e não dizem nada. O facto de Charles Correa ter uma obra interessante lá fora, não pode ser considerado um atestado de competência vitalício para o que faz por cá... Muito mais quando esta obra fica ligada a várias trapalhadas no seu licenciamento. É tudo a dar palmadas nas costas... É tudo com o feijão miúdo no **.

AM disse...

obg, F.
pois é
felizmente ou infelizmente a contratação de um "peso pesado" (da arquitectura, neste caso) não é garantia de qualidade
as coisas correm mal... para não escrever outra coisa...
as trapalhadas conheço mal
só li sobre a "suspensão do PDM"... (uma "figura" - concedo - completamente parva...)
até agora limitei-me a acompanhar (com desgosto, na maior parte das vezes) a divulgação da obra por alguns média
o directo de quase 15 minutos a abrir o telejornal da rtp (que linkei no meu ODP) com referências aos descobrimentos, planos filmados do rio, entrevista à L.B. e posterior reportagem sobre o champ. achei surrealista...
a apreciação (da arquitectura) desta fund. champ., aquilo que mais me interessa, deixo para depois de uma visita

eng sara disse...

شركة تنظيف فلل بالرياض
شركة عزل خزانات بالرياض
شركة تنظيف منازل بالرياض
شركة تنظيف مسابح بالرياض
شركة كشف تسربات المياه بالرياض
شركة نقل اثاث بالرياض
شركة تسليك مجارى بالرياض
شركة نقل اثاث بالرياض
نقل أثاث جدة
شركة تنظيف منازل بالرياض
here
here
here
here
here

fattoma disse...

https://decor-ksa.com/laser-railings/
https://decor-ksa.com/iron-railings/
https://decor-ksa.com/stainless-steel-handrail/
http://mchaabaty.com/factory/
http://mchaabaty.com/new/
http://mchaabaty.com/marble/

Tags